Buscar
  • Grupo de Ensino São Paulo

Mãos à Obra: Uma só Mente



E lhes darei um só propósito, um só coração e um só Caminho; a fim de que me amem com amor reverente para sempre, para o seu bem e para o bem de seus filhos no futuro. (Jeremias 32:39)


A salvação de Deus não se restringe ao perdão dos pecados, ela é acompanhada de uma mudança tão grande de paradigma que toda a nossa vida é ressignificada. A partir do momento em que fazemos de Cristo Senhor das nossas vidas, Ele nos dá um novo propósito. Assim, Ele nos fez “cooperadores da sua obra “(1 Coríntios 3:9). Pois ele entende que sem um foco, nós facilmente poderíamos nos perder novamente.


Qual é o seu propósito hoje?

Muitas vezes as nossas dificuldades e os nossos sonhos podem nos confundir sobre qual é o nosso propósito. Afinal, tudo bem querer ter filhos, ter um bom emprego, ou fazer uma viagem internacional. Esses podem ser alguns dos seus objetivos. Mas esse é o seu propósito? Vocês diriam que são essas coisas que dão sentido na sua vida? Como cristãos, a sua resposta provavelmente é não. Contudo, apesar de desconfiarmos que o nosso propósito está em Deus, ignoramos o que isso significa.


Nossa visão autocentrada provida pelo sistema capitalista do século XXI nos faz acreditar que cada um possuí uma motivação individual. A nossa sociedade acredita que o sentido da vida é algo subjetivo e que cada um deve buscar os seus próprios interesses. Mas não é assim que Deus pensa. Ele nos criou com uma finalidade específica, Ele tem um sonho para nós. E de fato, talvez você possa estar se esforçando para entender isso. Mas você já parou para pensar que esse propósito tem algo em comum com o propósito de outras pessoas?


Quando assumimos Jesus como o Senhor de nossas vidas, mais do que assumindo a tarefa pessoal de sermos seus servos, nós estamos também assumindo parte da sua obra. E como toda grande obra, apesar de cada um possua função só sua, todos buscam concluir o mesmo projeto. E é assim no reino de Deus. Ele deseja que enxerguemos não apenas os nossos sonhos, mas que em um só corpo, em um só coração busquemos enxergar os sonhos que ele tem para este mundo.


Por isso, como igreja e como comunidade, nós devemos compartilhar das mesmas visões. Dos mesmos sonhos. Se sonhamos para com os perdidos, que este sonho seja de todos. Se sonhamos para com o nosso próprio crescimento espiritual, que este sonho seja todos. Como um corpo, se uma perna não quer ir onde a outra perna quer levar, nós não andamos. Portanto, não basta que nossos líderes nos inspirem, nós temos que assumir os sonhos de Deus como se fossem nossos. Porque estes sonhos se tornam nossos a partir do momento que escolheremos trabalhamos no seu reino.


Que possamos hoje refletir qual tem sido o nosso foco. Será que nossas mentes estão mudadas pelo evangelho ou ainda estamos apegados aos nossos objetivos do passado? Pergunte a si mesmo: quais são os objetivos do seu ministério? Se você não souber a resposta, é porque provavelmente você está trabalhando solitário, sem o sentido de um projeto comum. Mas como dito, você não trabalharia em uma obra sem saber qual é o projeto, então porque você insiste em trabalhar assim no reino de Deus?


Participe ativamente dos sonhos do seu ministério. Não veja eles como sonhos de algumas pessoas, veja eles como oportunidade para vivenciar experiências incríveis com seus irmãos ao trabalharem todos juntos num mesmo projeto, pense nos sonhos do seu ministério como parte do propósito maior que Deus te chamou a cumprir. Muitos de nós já sonhamos um dia em sermos super-heróis e salvarmos o dia, ou mesmo sermos capaz de causar impacto significativo e duradouro no mundo. Portanto, não permita que seus propósitos pessoais ofusquem a alegria de servir a Deus, pois que outro sonho pode ser maior, mais significativo ou trazer mais alegria do que fazer parte do plano de Deus para salvar a todo o mundo?


Reflexão: O que significa para voce ter sonhos pelo seu ministério?

18 visualizações